Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

ArtesanatoCinda

HADMADE

ArtesanatoCinda

HADMADE

GORRO ORELHINHAS DE GATINHO - EM CROCHÉ

IMG_20170324_152645.jpgIMG_20170323_110515.jpg

Quando decidi criar um blog, estava longe de imaginar que a minha vida ia passar a ter uma volta muito grande, e julgo que tudo isto me vai levar muito mais longe, só o céu vai ser o meu limite. Quanto mais vou criando artigos de artesanato, mais procuro saber e realizar. Não vou enriquecer, mas vos tenho a confessar, já estou muito mais rica. Rica em sabedoria e muitas outras coisas que me deixam muito mais feliz. 

Estou muito rica.

Bom, hoje trago uma receita de um gorro, que lhe chamei de "GORRO DE ORELHINHAS DE GATINHO".

Este gorro é confeccionado em croché e tem a característica de poder ser feito em qualquer tamanho, e pode ser para BÉBÉ - CRIANÇA - ADULTO.

 

Materiais

 

agulha de crochê 

agulha de tapessaria

 

Confecção:

- fiz um cordão de 40 pontos

Virei o trabalho e fiz 3 pontos altos que contou como um ponto da primeira carreira. Continuei e fiz os restantes postos em meio ponto alto de croché (ou seja uma laçada na agulha e apanhar todas as malhas) por toda a carreira. 

Para fazer um efeito de canelado, a malha a ser crochetada é do nó de trás da carreira debaixo.

Faz-se da mesma forma pelo tamanho desejado, fiz 41 carreiras.

Costura-se dois lados.

Coloca-se o gorro virado do direito para nós e em forma de triângulo passa-se um alinhavo de uma extremidade á outra, de forma a ter a mesma medida dos dois lados. Puxe o alinhavo para fazer o franzido que dá a forma da orelha.

IMG_20170381_051752.jpg

IMG_20170323_102522.jpg

IMG_20170324_152645.jpg

 

FITA (TIARA) - EM TRICÔ E CROCHÉ

IMG_20170320_143626.jpg

Hoje trago mais uma receita em tricô muito fácil de fazer, especialmente para pessoas principiantes em tricô.

 

Material:

 

Agulhas de tricô (usei 3/5)

agulha de  croché

Confeção:

 

Colocar 10 pontos na agulha

na carreira seguinte fazer as malhas até ao fim da carreira em liga (tricô)

fazer o trabalho até ao tamanho pretendido sempre em ponto liga (tricô)

arrematar 

costurar as extremidades e franzir

 

APLICAÇÃO

Fazer 30 pontos com a agulha de crochê.

Virar o trabalho e fazer no cordão 2 pontos alto dentro de cada cordão, 2 cordões, dois pontos altos . Repetir até ao fim da carreira.

Arematar.

Com essa tira fazer uma espécie de rolinho e costurar.

Pregar esse rolinho á fita de tricô.

 

 Os carapins têm a receita no post "MODELO T"

GORRO GATINHA - EM TRICÔ

IMG_20170316_202015.jpg

Um trabalho muito gratificante para mim, pois o seu produto final, é um resultado muito bonito.

Receita de grau de dificuldade fácil.

 

Materiais:

2 cores de lã 

agulhas de tricô 

agulha de tapeçaria 

 

RECEITA

GORRO

 

1ª - 44 malhas na agulha de tricô 

2ª - faz-se as 44 malhas em ponto 1/1, uma liga (tricô), uma meia, por 10 carreiras, eu fiz com a lã de cor preta

3ª - mudar de cor da lã, e fazer uma malha de aumento de 5 em 5 malhas. Ficou com 52 malhas

4ª - fazer as carreiras seguinte em ponto liga (tricô)

5ª - quando tiver aproximadamente 14 ou 15 cm de altura começar a fazer as diminuições

      faz-se 5 malhas de liga (tricô), e a seguinte faz-se duas liga (tricô) juntas, repete-se até ao final da carreira 

      a carreira seguinte não tem qualquer diminuição e faz-se toda em liga(tricô)

      a carreira seguir faz-se 4 malhas de liga (tricô) e a seguinte é duas malhas de liga (tricô) juntas

6ª - repete-se este processo até não haver mais diminuições a fazer

7ª - faz-se uma carreira toda em liga liga (tricô)

8ª - aremata-se, mas deixa-se uma ponta suficiente para costurar 

 

ORELHAS

 

1ª - 10 malhas na agulha

2ª - duas carreiras em liga (tricô)

3ª - a terceira carreira começa a diminuir, 2 pontos num, e fica com 9 ponto

4ª - vira-se e repete-se a carreira anterior, e fica assim com 8 malhas.

5ª - repete-se as diminuições até ficar só 1 malha na agulha e remata-se

6ª - coser as orelhas com agulha de tapeçaria 

 

Este modelo de gorro pôde ter outros tamanhos, é só necessário aumentar ou diminuir o nº de malhas.

Também pode ser feito numa só cor.

 

 

 

      

 

 

 

 

IMG_20170316_143421.jpg

IMG_20170315_174903.jpg

IMG_20170316_112501.jpg

CARAPIM MODELO T - EM TRICÔ

IMG_20170314_144008.jpg

IMG_20170313_115813.jpg

Esta receita de carapim, da qual lhe dei o nome de "CARAPIM T", é de grau de dificuldade muito reduzido.

 

MATERIAL

 

Lã fofa para bébé

Agulhas de tricô nº 3/5

Agulha de tapeçaria

 

RECEITA

 

Oito pontos na agulha de tricô.

Fazer quinze carreiras, todas elas em ponto liga (tricô).

Com o trabalho virado pelo direito e com a agulha na mão esquerda, aumentar quinze malhas que ficam do lado da direita do trabalho.

Ticotar os quinze aumentos com ponto de liga (tricô), assim como os outros oito pontos

Quando chegar ao final de todos esses pontos, aumentamos mais quinze pontos, Virar o trabalho e tricotar os trinta e oito pontos que estão na agulha, em ponto liga (triçõ).

Fazer mais quinze carreiras com os trinta e oito pontos, tudo em ponto liga (trico).

Arrematar os trinta e oito pontos.

Coser os pontas com agulha de tapeçaria por forma a ficar como a foto.

 

IMG_20170313_120717.jpg

IMG_20170313_114351.jpg

IMG_20170313_115820.jpg

IMG_20170313_114401.jpg

IMG_20170314_143955.jpg

FITA (TIARA) - BÉBÉ RECEM NASCIDO EM TRICÔ E CROCHÉ

fita rn - foto Debora.jpg

 

Uma vez mais vos trago uma receita, esta é de uma fitinha feita em tricô com flor em croché para bebe recém nascido.

 

Materiais:

Lã muito fofa para bebe

2 agulhas de tricô

1 agulha de croché

1 agulha de tapeçaria 

 

RECEITA:

Fita 

- Coloca-se 14 pontos de malha na agulha de tricô

1ª - carreira: 1 ponto liga (tricô), 1 ponto meia

2ª  - carreira:1 ponto meia, 1 ponto liga (tricô)

As restantes carreiras fazem-se da seguinte forma: se temos ponto liga (tricô) na carreira debaixo, então fazemos meia; onde temos meia no ponto da carreira de baixo fazemos liga (tricô). faz-se sempre o inverso - liga-meia; meia-liga, repete-se até ao tamanho desejado, por ultimo rematasse.

Flor

Faz-se 40 pontos com a agulha de croché. 

Dá-se mais 3 pontos e vira-se o trabalho para fazer a carreira de cima. Dá-se um ponto alto em cada ponto da corrente e depois remata-se.

Faz-se um novelinho com a extremidade da corrente e cose-se, por forma a parecer uma flor.

 - Este trabalho está postado em: https://www.facebook.com/ArtesanatoCinda

 

Receita do carapim de bébé em tricô

 

received_1371480126217498.jpeg

 

Conforme tinha dito no post anterior, venho publicar a receita para a confeção do carapim, que fiz para o meu trabalho de artesanato. Assim vou tentar transmitir o melhor possível os passos a seguir para a confecção do modelo deste carapim. Colocar 44 pontos na agulha de tricotar. Dá-se um nó nas pontas da lã. - 1ª carreira faz-se em meia; - 2ª carreira faz-se em liga (tricô). Repete-se esta sequência por aproximadamente 2 centímetros de altura. Depois dos 2 cm, vira-se o trabalho do direito, que ficou em meia e faz-se; -Uma carreira em liga ( tricô), a seguinte em meia. Repete-se até ter 3 carreiras ponto liga pelo direito e 2 ponto meia pelo avesso. Depois faz-se o outro relevo da seguinte forma: 3 carreiras pelo direito em meia e duas carreiras em ponto liga pelo avesso. Depois faz-se outro relevos da seguinte forma: 3 carreiras pelo direito em meias 2 em liga. Repete-se de seguida o 1º relevo , 3 liga 2 meia. Depois de ter três relevos feitos pelo direito faz-se o trabalho do peito do pé. Faz-se 17 em meia mais 10 pontos, os que vão formar o peito do pé, sendo a décima malha feita com a diminuição das malhas do lado esquerdo do carapim. Vira-se o trabalho e faz-se 10 em liga (tricô), com a 10ª malha em 2 pontos juntos.Vira-se novamente o trabalho e repete outro relevo do peito do pé.. Faz-se o peito do pé com três motivos de relevo. Quando já tiver 11 pontos na agulha do lado direito, 10 do peito do pé e 11 do lado esquerdo, num total de 32 pontos, vira-se o trabalho e faz-se a carreira da seguinte maneira: dois pontos juntos em liga e 1 laçada. Repete-se até ao fim da carreira. Vira-se novamente e faz-se toda a carreira em liga e uma malha de aumento, mais ou menos a meio da carreira. Quando o trabalho está virado do direirto faz-se, aproximadamente 3 cm em ponto de arroz; uma liga uma meia, e na careira seguinte onde tem liga fica meia. Depois de ter o tamanho de desejado em ponto de arroz, vira-se pelo direito e faz-se toda a carreira em liga e avesso meia. O remate é feito pelo direito em liga. Remata-se duas malha de cada vez. Por último costura-se o carapim e coloca-se uma fitinha.